33 pessoas são presas em operação contra o crime organizado em Nova Serrana

6 de dezembro de 2018 as 13:55

Foi deflagrada hoje (6), em Nova Serrana, a fase ostensiva da Operação “Covil de Ladrões” e “Operação Delivery” desenvolvida pelo Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (GAECO) de Divinópolis. Chefiada pelo Ministério Público, a ação conta com o apoio das Polícias Militar, Civil e Rodoviária Federal.

Pelas informações fornecidas pela Polícia Militar, as  operações foram iniciadas em setembro com o objetivo de neutralizar organização criminosa que atuava em roubos de cargas na BR-262 e acabar com a entrega de drogas à domicílio, em Nova Serrana.

Para as duas operações, foram expedidos 31 mandados de prisão preventiva e 42 mandados de busca e apreensão para as comarcas de Nova Serrana, Bom Despacho, Pitangui Santo Antônio do Monte, Lagoa da Prata e Divinópolis.

Com o emprego de 191 policiais e 49 viaturas, até o momento 26 pessoas foram presas por mandado e sete por flagrante. Foram apreendidos R$ 46,1 mil, em dinheiro; R$ 27 mil, em cheque; 450 porções pequenas de cocaína e uma barra da mesma droga; uma barra de maconha e uma planta da mesma droga; 23 veículos, sendo dois roubados; 25 celulares; um rádio HT; um notebook; centenas de pares de calçados; e oito cartões de crédito.

A operação ainda está em andamento.