Censo Agro vai ajudar na elaboração de novas políticas públicas

12 de outubro de 2017 as 16:00

Um retrato da agropecuária brasileira. É isso que o país terá em junho de 2018, quando serão divulgados os primeiros resultados do Censo Agro 2017, que já está sendo realizado.

Até fevereiro do ano que vem, 19 mil recenseadores visitarão mais de 5,3 milhões de estabelecimentos agropecuários para levantar informações sobre área, produção, características do pessoal ocupado, emprego de irrigação, uso de agrotóxicos, entre outros temas.

Além de trazer dados atualizados sobre o setor (o último censo foi realizado em 2006), o levantamento do IBGE vai subsidiar o governo na hora de elaborar políticas públicas para a agricultura e a pecuária.

Segundo a Confederação Nacional da Agricultura e Pecuária (CNA), os dados servirão de base para elaborar desde políticas mais simples até as mais complexas, como o Plano Safra.

Administrador dos sistemas de gerenciamento da Brustin Creative Internet Agency