60 presos morrem na primeira grande rebelião do ano

Familiares viveram momentos de horrores com notícias da decapitação de seis detentos. (foto: Sepaj)

A polícia de Manaus confirmou que 60 presos morreram durante uma rebelião dentro do complexo penitenciário de Manaus, no Amazonas, neste domingo (1º). As informações fornecidas pela Polícia Militar registravam que seis detentos tiveram suas cabeças cortadas.O motim começou por volta das 15h, durante o horário de visita, logo após o registro de uma tentativa de fuga combatida pela PM.

Em entrevista à imprensa, o secretário de Segurança Pública do estado informou que 12 funcionários foram mantidos reféns e que quatro deles acabaram liberados pelos presos durante as negociações.Os presos amotinados atiraram os cadáveres para fora do complexo penitenciário.

Fonte: R7