Avó é presa por estupro de vulnerável por assistir abusos contra netos e ameaçá-los

As investigações apontam que os três irmãos foram abusados pelo avô na presença da avó

Uma mulher, de 77 anos, condenada a 40 anos de prisão por estupro de vulnerável, foi presa no bairro São Salvador, região Noroeste de Belo Horizonte. As informações foram divulgadas nesta quinta-feira (23). As vítimas do crime são três crianças, um menino de 11 anos, e duas meninas, de 11 e 13 anos, todos netos da idosa.

As investigações apontam que os três irmãos foram abusados pelo avô na presença da avó. O menino relatou, em depoimento, que sofreu os abusos dos 4 aos 9 anos, e era ameaçado pelos avós para não contar os fatos aos pais.

Segundo a polícia, a criança achava que os abusos eram normais, pois, em várias oportunidades, a avó estava presente e assistia ao ato.

Ainda, conforme os levantamentos, a avó ordenava que as crianças não voltassem mais lá e não contassem nada para ninguém. Caso contrário, ela iria negar e os netos seriam vistos como mentirosos.

Com o inquérito finalizado, o casal foi indiciado por estupro de vulnerável e o homem, preso. O homem foi detido em 2019 e também já foi condenado.