Delegado aposentado que já trabalhou em Divinópolis é queimado vivo em Sete Lagoas

Hudson Maldonado Gama tinha 86 anos e trabalho em Divinópolis nos anos 70

A Polícia Civil investiga a morte do delegado Hudson Maldonado Gama, ocorrida na tarde desta quarta-feira (22), em Sete Lagoas. A casa do delegado foi incendiada, no bairro CDI II. Equipes da Polícia Militar foram acionadas e constataram o óbito. Hudson trabalhou em Divinópolis no fim dos anos 70 e no início dos anos 80.

Informações preliminares indicam que o suspeito do crime teria entrado na casa e ateado fogo na vítima, que estava acamada. O fogo se espalhou e incendiou o quarto onde o delegado aposentado estava. O autor do crime ainda não foi identificado. A motivação do crime ainda é desconhecida.

O delegado aposentado Hudson Maldonado Gama foi morto, na tarde desta quarta-feira (22), e teve a casa incendiada no bairro CDI II, em Sete Lagoas, na região Central de Minas Gerais. Equipes da Polícia Militar foram acionadas e constataram o óbito.

A cuidadora do delegado, que já estava doente, disse à Polícia Civil que o homem entrou na casa armado com uma faca e pediu para que ela ficasse do lado de fora do imóvel. Depois, ela viu o fogo. 

Os policiais ainda não sabem se Hudson foi esfaqueado antes do criminoso atear fogo no corpo dele. A causa da morte será determinada após uma análise do Instituto Médico Legal. 

O local foi isolado pela perícia e o caso segue em investigação.