Enterrado em Pará de Minas corpo de menina de 2 anos atacada por cães da família

16 de setembro de 2019 as 15:59

Foi sepultado neste domingo (15) o corpo da menina de dois anos, que morreu no sábado (14) depois de ter sido atacada por dois cães das raças pitbull e rottweiller, que pertencem à família, no Bairro Santos Dumont, em Pará de Minas. A menina ficou três dias internada no Hospital João XXIII em Belo Horizonte.

Quando a mãe da criança, de 23 anos, viu que a filha estava ferida, pediu por ajuda na rua, onde passava um policial que estava de folga. O homem prestou os primeiros socorros à criança até a chegada do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). No momento do resgate, a criança tinha cortes no pescoço e o quadro clínico era considerado grave. Em seguida, ela foi transferida para o Hospital João XXIII, especializado em atendimento de politraumatismos.

Os cães que atacaram a criança foram recolhidos e levados para o Centro de Zoonoses em Pará de Minas. De acordo com o delegado Carlos Henrique Gomes Bueno, a Polícia Civil aguarda o resultado dos exames feitos pelo Instituto Médico Legal (IML) de Belo Horizonte e familiares da menina também serão chamados para prestar depoimento na delegacia. O objetivo é apurar se houve negligência ou imperícia dos pais, que podem ser indiciadas por homicídio culposo.