Homem que estrangulou e matou a esposa já está detido

Está preso o homem que confessou ter assassinado a esposa, em Itaúna. O corpo foi encontrado neste domingo (8), em estado de decomposição, no aterro sanitário da cidade. O marido confessou o crime.

De acordo com a Polícia Militar, na tarde deste domingo (8), uma denúncia levou os policiais até o local onde estava um corpo enrolado em um colchão. Desde quarta-feira (4), Suelen Madalena Alexandre Santos, de 25 anos, não era vista e foi dada como desaparecida por familiares, que reconheceram o corpo dela.

Após a identificação da vítima, a PM recuperou registros de 30 de dezembro, data em que foi acionada por Suelen, ao ser ameaçada de morte pelo marido. Na data, a PM foi até a residência do casal, onde Suelen contou que o homem a ameaçou por ela não deixar que ele trocasse alimentos por crack.

Os policiais voltaram à residência e encontraram o suspeito, que confessou o crime. Ele disse que a estrangulou até a morte, na manhã do dia quatro. Durante a noite ele enrolou o corpo em um colchão e, com um carrinho de mão, transportou até o aterro sanitário, pensando que o corpo nunca seria localizado.