Número de mortos no RS chega a 151; mais de 100 seguem desaparecidos

A tragédia no Rio Grande do Sul já deixou 151 mortos, informou a Defesa Civil Estadual nesta quinta-feira (16). Seguem desaparecidas 104 pessoas e 806 estão feridas.

No total, 2.281.774 pessoas foram afetadas nos 458 municípios atingidos. Estão em abrigos 77.199 pessoas e 538.164 estão desalojadas. Até o momento, 76.620 pessoas e 11.932 animais foram resgatados. Um efetivo de 27.651 agentes foi mobilizado, com 4.405 viaturas, 45 aeronaves e 340 embarcações.

Nível dos rios

Às 7h desta quinta-feira (16), o nível dos rios era de:

  • 4,98m no Lago Guaíba, em Porto Alegre;
  • 7m no Rio dos Sinos, em São Leopoldo;
  • 5,81m no Rio Gravataí, em Passo das Canoas;
  • 6,42m no Rio Taquari, em Muçum;
  • 3,32m no Rio Caí, em Feliz;
  • 11,09m no Rio Uruguai, em Uruguaiana;
  • 2,7m na Lagoa dos Patos, em São Lourenço do Sul.

Falta de água e luz

Até o momento, 129.977 clientes da Companhia Riograndense de Saneamento (Corsan) estão sem água, 112.488 pontos da CEEE Equatorial e 124,4 mil da RGE Sul estão sem luz. Cinco cidades estão sem sinal da Vivo.

Escolas

Em 248 cidades, há 1.057 escolas afetadas, sendo 554 delas danificadas. No total, 378.649 estudantes foram impactados.

Rodovias, portos e aeroportos

Atualmente, 90 trechos estão total ou parcialmente bloqueadas em 50 rodovias. O aeroporto Salgado Filho segue sem funcionar, enquanto os de Canela, Capão da Canoa, Carazinho, Erechim, Passo Fundo, Rio Grande, Santo Ângelo, Torres, Bagé, Pelotas, Uruguaiana e Caxias do Sul funcionam normalmente.

O porto de Porto Alegre está com as atividades suspensas, o porto de Pelotas teve atividades paralisadas e o de Rio Grande opera normalmente.

Receba as reportagens da Sucesso FM em primeira mão através do nosso grupo de WhatsApp: https://chat.whatsapp.com/FY6eiEhen390iLLOqJLg3H