NO AR:

21h às 22h


Ouça agora!
Baixe nosso Aplicativo


Polícia Civil faz buscas na casa de suspeito mas não encontra indícios do corpo de mulher que desapareceu há 2 anos




A Polícia Civil fez buscas na casa de Claudimar Gonçalves Ferreira, de 44 anos, em Divinópolis, preso há quatro meses suspeito de feminicídio e ocultação de cadáver. A investigação é sobre o desaparecimento de Karla Gonçalves Borges, ocorrido após uma briga com o então companheiro, há 2 anos, quando eles moravam no bairro Alvorada.

O cumprimento do mandado judicial ocorreu diante de uma denúncia de que Karla poderia estar enterrada no terreno.

A assessoria da Polícia Civil informou que não foram localizados restos mortais e nem vestígios da mulher desaparecida. A ação contou com o apoio de bombeiros do Batalhão Especializado de Belo Horizonte, que quebraram todo o piso para apurar a denúncia.

Na época em que Karla desapareceu, quando tinha 32 anos, o companheiro dela foi preso preventivamente e solto semanas depois, que está novamente preso preventivamente. A prisão ocorreu há cerca de quatro meses.

Luiz Carlos Gonçalves, pai de Karla, acredita que o principal responsável pelo desaparecimento da filha é Claudimar Gonçalves Ferreira, já que eles viveram um relacionamento conturbado por três anos.

Durante as investigações, a Polícia recebeu uma denúncia anônima informando que o corpo de Karla estaria enterrado em uma área no Bairro Liberdade. Cães farejadores foram utilizados nas buscas, mas o corpo não foi encontrado.

De acordo com a delegada Maria Gorete Rios, as investigações prosseguem, na tentativa de encontrar pistas que possam levar ao corpo de Karla. Denúncias podem ser feitas pelo Disque Denúncia Unificado, o 181. Não é preciso se identificar.


Mais Notícias


Nossos Programas



Baixa a Aguia
Segunda Categoria
Super 8
Breaking News
Tarde Legal

Av. 21 de Abril, n° 360, Salas 101 e 102
Centro - Divinópolis/MG
Tel: 37 3229-9393