NO AR:

21h às 22h


Ouça agora!
Baixe nosso Aplicativo


Trabalhador pode contestar se não foi beneficiado com o novo auxílio emergencial




Os trabalhadores que tiveram o Auxílio Emergencial 2021 negado têm até o dia 12 de abril para contestar a decisão, segundo o Ministério da Cidadania. Para fazer a contestação, o trabalhador precisa primeiro verificar se teve o benefício negado.

Isso pode ser feito no site consultaauxilio.dataprev.gov.br onde o beneficiário deverá informar o CPF, nome completo, nome da mãe e data de nascimento. A consulta também pode ser feita pelos canais da Caixa: pelo auxilio.caixa.gov.br ou pelo telefone 111.

A contestação pode ser feita apenas pelo site consultaauxilio.cidadania.gov.b.

Para quem teve o benefício negado e se encaixa em uma das situações que permitem a contestação, a página vai trazer um ícone “Solicitar contestação”, informando o motivo da negativa.

Só são elegíveis à nova rodada de pagamentos os trabalhadores que tinham o direito reconhecido ao Auxílio em dezembro do ano passado.

A lista com os motivos que podem ser contestados e o que deve ser feito está no site gov.br/cidadania.

A nova rodada do Auxílio Emergencial começa a ser paga nesta terça-feira, 6 abril. O retorno do benefício será em quatro parcelas, com valores específicos conforme o perfil de quem recebe. O valor médio dessa rodada é de R$ 250, mas pode variar de R$ 150 a R$ 375 a depender da composição de cada família.


Mais Notícias


Nossos Programas



Baixa a Aguia
Segunda Categoria
Super 8
Breaking News
Tarde Legal

Av. 21 de Abril, n° 360, Salas 101 e 102
Centro - Divinópolis/MG
Tel: 37 3229-9393