Beneficiários do Bolsa Família devem informar mudança de escola dos filhos

Os beneficiários do Bolsa Família que mudaram os filhos de escola neste ano, devem ficar atentos e comunicar a alteração ao setor responsável pelo Cadastro Único dos seus municípios. A manutenção das crianças e jovens entre 6 e 17 anos matriculados é um dos critérios para receber o benefício.

O programa exige uma frequência escolar mensal mínima de 85% para estudantes de seis a 15 anos e de 75% para estudantes de 16 e 17 anos. As famílias também devem avisar a escola, durante a matrícula, que o aluno é beneficiário do Bolsa Família. A informação permite à instituição saber que a frequência do aluno precisa ser registrada no Sistema Presença, do Ministério da Educação.